Categoria: habitação

Casas populares são entregues para 133 famílias de Nova Esperança

Foram entregues nesta sexta-feira, 11, em Nova Esperança, no Noroeste do Paraná, 133 novas casas populares para famílias da região. A conquista é resultado do trabalho feito há três anos e da parceria entre o deputado estadual Tião Medeiros (PTB) e o prefeito do Município, Moacir Olivatti junto ao Governo do Estado.

“Este é um trabalho que eu e o prefeito Moacir lutamos já faz um bom tempo em parceria com a Cohapar e com a Caixa Econômica. E ver este sonho se transformar em realidade e poder entregar as casas para estas famílias é uma satisfação muito grande como parlamentar, como representante do Noroeste, como alguém que luta pela melhoria da qualidade de vida das pessoas”, diz o deputado.

Foram investidos dez milhões e meio de reais nestas residências para atender famílias, pessoas idosas e portadores de necessidades especiais da cidade. As casas, financiadas pelo Programa Minha Casa Minha Vida, foram construídas em um terreno doado pela prefeitura e contaram com apoio técnico da Cohapar e também da Copel e Sanepar para a instalação de redes de energia elétrica, água e esgoto.

Segundo o prefeito de Nova Esperança, o desejo da casa própria é antigo e o apoio do deputado Tião Medeiros foi essencial para o projeto sair do papel.

“Esta foi uma jornada de muita luta desde o início do nosso mandato. Nós tivemos um grande apoio do deputado estadual Tião Medeiros. Fomos inúmeras vezes na Cohapar, na Casa Civil e depois à Caixa Econômica Federal para conseguir os recursos. A população de Nova Esperança agradece pelo empenho e dedicação por todas as cidades da nossa região”, conta Moacir Olivatti.

Deputado participa de entrega de moradias em Indianópolis

O deputado Tião Medeiros (PTB) participou nesta quinta-feira (28), ao lado do governador Beto Richa, da entrega das chaves de moradia para 82 famílias de Indianópolis. O Residencial Vila Nova custou de R$ 5,8 milhões e tem três unidades adaptadas para pessoas com deficiência. Todas têm dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço.

O governador Beto Richa também entregou uma van de 16 lugares para o transporte de pacientes para hospitais de Cianorte, Londrina e Maringá. O investimento é de R$ 120 mil, feito pela Secretaria de Estado da Saúde. O município já possui um micro-ônibus, comprado também com recursos do Governo do Estado.

Para Tião Medeiros, os recursos são frutos da boa parceria entre o governo do Estado e a Assembleia Legislativa, que aprovou o ajuste fiscal que resultou em investimentos. “A parceria que mantemos com o Governo do Estado gera muitos benefícios. Hoje estamos entregando moradias mais baratas e de qualidade”, disse.

“Somos o primeiro governo a executar obras de habitação nos 399 municípios do Paraná”, destacou o governador. Segundo ele, o Estado conseguiu organizar os projetos e firmar a maior parceria nacional com a Caixa Econômica Federal para realizar obras de habitação. “O resultado é uma verdadeira revolução na área habitacional”, afirmou Richa.

Com os benefícios concedidos pelos programas Minha Casa Minha Vida e Morar Bem Paraná, os novos moradores pagarão prestações entre R$ 147 e R$ 427 ao mês, valor inferior a média do aluguel na região. Além dos subsídios, o projeto teve assessoria técnica da Cohapar (contratação, execução e fiscalização das obras e acompanhamento social das famílias). A Copel fez instalação subsidiada da rede de energia elétrica, o que reduziu os custos de financiamento.

 

Com informações da Agência Estadual de Notícias

Quarenta famílias de Alto Paraná recebem chaves da casa própria

O deputado Tião Medeiros (PTB) participou nesta quinta-feira (13), em Alto Paraná, da entrega das chaves da casa própria para 40 famílias do município. As chaves das moradias foram entregues por representantes do Governo do Paraná, Governo Federal e prefeitura, parceiros na construção do empreendimento, que recebeu investimentos de R$ 1,2 milhão em recursos do programa Minha Casa Minha Vida. “Este é mais um projeto do governo do Estado que vai beneficiar a população da região Noroeste”, destacou Tião Medeiros.

O projeto beneficia famílias que até agora residiam em condições precárias ou pagavam aluguel no município. Como o público é composto por pessoas em situação de vulnerabilidade social, os imóveis foram totalmente custeados pelo poder público, sem cobrança de qualquer valor dos novos moradores.

Para viabilizar o projeto, o Governo do Estado, através da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), fez um aporte adicional de R$ 5 mil por cada, com um total de R$ 200 mil investidos. A participação estadual contou ainda com a instalação subsidiada do sistema de energia elétrica pela Copel e de abastecimento de água e esgoto pela Sanepar.

Para garantir que o público atendido pelo projeto não arcasse com nenhum custo, a prefeitura fez a doação dos terrenos às famílias e efetuou obras de infraestrutura complementar no residencial.

 

Com informações da Cohapar

Foto: Piera Ialongo / Cohapar

Famílias da região Noroeste recebem 169 casas populares

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) participou nesta quinta-feira (22), ao lado do governador Beto Richa, da entrega das chaves da casa própria para 169 famílias da região Noroeste. As casas foram entregues para 77 famílias de São Jorge do Patrocínio e 92 de Iporã.

Em São Jorge do Patrocínio foi inaugurado o novo conjunto residencial Jardim Alegre, um investimento de R$ 3 milhões, feito pelos governos estadual (Cohapar, Copel e Sanepar), governo federal, através da Caixa, e prefeitura. A parceria se repetiu no residencial Santa Felicidade, em Iporã, com um investimento de R$ 3,4 milhões. Nas duas cidades, as moradias foram construídas com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Para Tião Medeiros, as moradias representam um novo momento de vida. “Ao lado do governo, estamos batalhando para construir cidadania, garantindo uma vida muito mais dignas às famílias. Esta é uma conquista é das famílias”, afirmou o deputado.

Para Richa, a moradias representam uma revolução. “Para dar a dimensão dos números e fazer um comparativo, nos oito anos que antecederam meu governo foram inauguradas 18 mil casas. Nós estamos atendendo quase 80 mil famílias com unidades habitacionais. Somando regularização fundiária, urbanização de áreas de risco social e casas rurais chegamos a 106 mil famílias, em 100% dos municípios. Nenhum dos 399 municípios do Estado ficou sem atendimento, em todos temos obras entregues ou em execução de moradias populares”, disse o governador.

Em São Jorge do Patrocínio, desde 2011, já foram atendidas 184 famílias com casas urbanas e rurais. Os investimentos em habitação são de R$ 6,6 milhões, sempre em parceria com o Estado, governo federal e município.

Iporã, com as 92 unidades populares entregues agora, chega a 224 famílias atendidas em Iporã, com casas urbanas e rurais, desde 2011. Os investimentos somam R$ 8,4 milhões.

Projeto prevê construção de casas populares em municípios do Noroeste

O deputado estadual Tião Medeiros recebeu nesta terça-feira (30) mais informações sobre os processos licitatórios para construção de casas populares da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) em Santo Antônio do Caiuá, São Pedro do Paraná, Loanda, Tuneiras do Oeste e Nova Aliança do Ivaí, na região Noroeste. O chefe de gabinete e superintendente de Relações Institucionais do órgão, João Naime Neto, informou ao deputado sobre a situação de diversos projetos previstos para municípios da região.

Entre as iniciativas realizadas conjuntamente entre o Governo do Paraná, o governo federal e as prefeituras estão projetos para a construção de casas populares em Santo Antônio do Caiuá (29 unidades), São Pedro do Paraná (38), Loanda (59), Tuneiras do Oeste (117) e Nova Aliança do Ivaí (46). No momento, a Cohapar trabalha nos processos licitatórios que definirão as construtoras responsáveis pelas obras.

De acordo com a Cohapar, com a conclusão das licitações, toda a documentação será encaminhada para a Caixa Econômica Federal. O órgão é responsável pela gestão dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que serão utilizados no financiamento dos futuros imóveis.

O deputado estadual Tião Medeiros está empenhado em contribuir com a agilidade dos processos para o início efetivo das obras. “Estamos trabalhando para que as famílias que aguardam pela oportunidade de adquirir uma casa própria no Noroeste do Paraná possam ser atendidas o mais breve possível”, disse Tião Medeiros.

“Esta é uma iniciativa conjunta do poder público planejada pelo governador Beto Richa e pelo presidente da Cohapar, Abelardo Lupion, que conta com o importante apoio do deputado estadual Tião Medeiros. Através dela, visamos promove a melhoria da qualidade de vida da população paranaense com condições dignas de moradia”, avalia o chefe de gabinete da Cohapar.

Tião Medeiros participa da CPI das Construtoras, Incorporadoras e Imobiliárias

O deputado Tião Medeiros (PTB) participou nesta quinta-feira (27) da Comissão Parlamentar de Inquérito das Construtoras, Incorporadoras e Imobiliárias para  ouvir os depoimentos de representantes de entidades ligadas ao setor de construção, corretagem e compra de imóveis. O grupo de deputados investiga uma série de denúncias da população sobre irregularidades nos processos de compra e venda de imóveis.

Para Tião Medeiros, será preciso agir de forma mais rigorosa para garantir o cumprimento da legislação e a efetiva fiscalização do setor. “Eu senti, por parte dos representantes das incorporadoras, construtoras e imobiliárias, um descaso. Vamos tomar medidas mais duras para que se tomem providências. A impressão que dá é que nunca ouviram falar desses problemas que foram largamente denunciados ao Procon”, disse.

Prestaram esclarecimentos o procurador jurídico do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Paraná (Creci-PR), Antônio Linares Filho; o diretor executivo do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado do Paraná (Sinduscon Paraná), João Guido de Castro Campelo; e o vice-presidente de lançamentos e comercialização imobiliária do Sindicato da Habitação e Condomínios (Secovi-PR), Luciano Gionco Tomazini.

Eles responderam questionamentos sobre taxa de corretagem, taxa Serviço de Assessoria Técnica Imobiliária (Sati), cobranças indevidas e regras para cancelamento de contratos. Todos os representantes afirmaram desconhecer a prática de cobranças abusivas ou ilegais no setor. Até hoje o Creci-PR teria recebido duas denúncias envolvendo a taxa de corretagem. Uma delas arquivada por falta de elementos e outra ainda não apurada.

Em depoimento à CPI, a diretora do Procon-PR, Cláudia Silvano, afirmou que há 8.784 reclamações relacionadas à compra e venda de imóveis registradas no período de agosto de 2012 a janeiro de 2016. O Procon vai encaminhar à CPI toda a documentação referente às denúncias, que serão somadas aos casos que já estão em análise na comissão.

Os representantes das entidades solicitaram aos deputados a formalização de todas as queixas junto aos sindicatos e ao conselho para que também possam tomar providências a respeito de cada caso.

 

Com informações da Assessoria de Comunicação da Assembleia Legislativa

Foto: Dálie Felberg/Alep

Tião Medeiros e Beto Richa entregam 580 casas em Paranavaí

O deputado Tião Medeiros participou nesta quinta-feira (31), ao lado do governador Beto Richa, do prefeito de Paranavaí, Rogério Lorenzetti, e de representantes do Banco do Brasil, da entrega das chaves da casa própria para 580 famílias de baixa renda do município. O empreendimento, chamado de Luiz Lorenzetti, recebeu investimentos de R$ 36,5 milhões em recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), em uma parceria do governo estadual, governo federal e prefeitura.

“Com a entrega que fizemos hoje, já são 1.578 famílias de Paranavaí com casas novas desde 2011. Os investimentos dos governos federal, estadual e municipal no período chegam a R$ 88,8 milhões. É a concretização do sonho de muitas pessoas”, disse Tião Medeiros.

As moradias possuem 40 metros quadrados e são destinadas a famílias com renda mensal de até R$ 1.600. Elas pagarão parcelas equivalentes a 5% da renda familiar, o que varia de R$ 25 a R$ 80 ao mês, durante 10 anos.

Richa refirmou a prioridade de sua gestão no atendimento à população com moradias populares. “Em mais de 50 anos de história, a Cohapar atendeu cerca de 288 mil famílias em todo o Paraná, sendo 105 mil destas apenas na nossa gestão”, disse o governador. “Isso demonstra a prioridade com que tratamos a habitação popular, pois no nosso entendimento ela é a base do resgate social e da dignidade das famílias paranaenses”.

Para continuar investindo em habitação, o Governo do Paraná, de forma inédita, criou um Fundo Estadual de Combate à Pobreza, que destinará R$ 400 milhões anuais para o atendimento às famílias paranaenses que mais precisam. Na região Noroeste do Paraná, os investimentos públicos em habitação chegam a R$ 268 milhões para o benefício de 4,7 mil famílias. Os números são referentes a moradias entregues, em obras ou com projetos em andamento.

Também participaram da solenidade a vice-governadora Cida Borghetti, o presidente da Cohapar, Abelardo Lupion, o chefe da Casa Militar, coronel Adilson Castilho Casitas, o superintendente estadual do Banco do Brasil, Edson Cardozo, além de prefeitos da região.

Foto: Arnaldo Alves / ANPr.

Tião Medeiros participa de entrega de casas para famílias da região Noroeste

O deputado Tião Medeiros (PTB) participou nesta quinta (03) da entrega das chaves da casa própria para 29 famílias da região Noroeste. As moradias, entregues em Guairaçá e Nova Londrina, foram viabilizadas em uma parceria do Governo do Paraná, por meio da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Emater, Copel e Secretaria da Agricultura e Abastecimento; Governo Federal, por meio da Caixa Econômica Federal, e prefeituras.

Tião Medeiros afirmou que é uma grande satisfação poder ajudar a mudar a história de vida dessas famílias. “Muitas dessas famílias esperaram anos simplesmente para ter uma casa, como é o caso de Guairaçá. É muito importante ser partícipe dessa causa e poder ajudar a mudar a vida das pessoas que mais precisam. É isso que me motiva a fazer mais”, disse.

Em Guairaçá, 20 famílias de pequenos agricultores rurais receberam as chaves da casa própria. Destas, 13 famílias esperavam há 16 anos para ter um lugar digno para morar. Entres os presentes estavam a prefeita de Guairaçá, Jane Amadeu, o vice-prefeito Moscão, a presidente da Câmara, Maria Ana de Oliveira Souza, e os vereadores Toninho Mazuti, Bolinha, Cristinha e Tonhão. Também participaram o coordenador regional da Cohapar, Ricardo Menini, Jeferson, gerente do órgão, Arnaldo Rech, gerente da Sanepar, e Junior Amadeu, chefe da Emater local.

Já na zona rural de Nova Londrina, nove famílias foram beneficiadas com casas novas. O município tem ainda 44 casas que estão em licitação na Cohapar. Participaram do encontro o prefeito municipal, Dornelis Chiodelli, o vice-prefeito Otávio Henrique Bono, o Vico, e os vereadores Márcio, Júnior, Mário, Nelson, Paulão, José, Braz. Também estiveram presentes os secretários municipais Miguel (Saúde), Tânia (Ação Social), Roberto (Planejamento), Valdir (Esporte e Turismo), além dos representantes do governo Eliana (chefe de núcleo de Loanda), Gabriel Back (Chefe de Núcleo SEAB), Ricardo Menini e Roberta (Cohapar).

As casas fazem parte do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR), que contempla famílias que vivem da agricultura familiar e possuem renda anual de até R$ 15 mil. Na sexta-feira (04), serão entregues mais 54 moradias urbanas e 15 rurais em Santa Mônica. Tuneiras do Oeste vai receber 120 unidades habitacionais.

Com informações da Cohapar

 

fotos (1)fotos (2)fotos (5)fotos (7)

Tião Medeiros entrega as chaves da casa própria para famílias de Guairaçá

fotos (27)fotos (28)fotos (39)fotos (42)

Deputado entrega as chaves para famílias de Nova Londrina

Tuneiras do Oeste vai receber 120 casas populares

As 120 casas populares que estão sendo construídas pela Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) em Tuneiras do Oeste devem ser entregues em breve. A notícia foi confirmada à assessoria do deputado Tião Medeiros nesta terça-feira (16), durante reunião na sede do órgão, em Curitiba. Durante o encontro, foram discutidos os últimos detalhes para a entrega das moradias, que devem ser concluídas nas próximas semanas.

O empreendimento é resultado de uma parceria de trabalho entre os órgãos e também conta com a participação da Caixa Econômica Federal como agente financeiro. Os investimentos são de aproximadamente R$ 3,9 milhões dos governos estadual, federal e municipal por meio do programa Minha Casa Minha Vida. O projeto é destinado ao atendimento de famílias com renda mensal de até R$ 1.600, que pagam aluguel ou vivem em situação precária no município.

Também foi encaminhado o pedido de obras de mais 117 imóveis, cuja licitação para a escolha da construtora responsável será lançada nos próximos dias. O projeto contará com investimentos de R$ 8,5 milhões via financiamento com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Além dos projetos, 26 moradias urbanas e 18 rurais, além de 13 títulos de propriedade, já haviam sido entregues recentemente em Tuneiras do Oeste. Ao todo, são quase R$ 14 milhões investidos em habitação popular no município pelos três níveis do poder executivo.

Participaram da reunião o assessor do gabinete da Cohapar, Benedito Garcia, o presidente da Câmara de Tuneiras do Oeste, vereador João Batista, o secretário municipal de Saúde, Custório Brito, e o assessor de Tião Medeiros, Bohdan Metchko Filho.

Com informações da Cohapar

Tião Medeiros participa da entrega de casas na região Noroeste

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) participou nesta quinta-feira (05), ao lado do presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Abelardo Lupion, da entrega das chaves da casa própria para 47 famílias das cidades de Itaúna do Sul, Marilena e Querência do Norte, na região Noroeste. Todas as moradias foram construídas por meio da parceria do Governo do Paraná com Governo Federal e prefeituras. Os investimentos ultrapassam R$1,5 milhão.

Também foi anunciado, em Nova Londrina, o lançamento de edital de licitação para a construção de mais 44 moradias no município. A previsão é que sejam investidos R$2 milhões com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) com parceria do Governo do Paraná e prefeitura.

Tião Medeiros afirmou que o Governo do Paraná demonstra preocupação com os pequenos municípios, levando dignidade às famílias e fortalecendo a economia local. “Vemos uma atuação positiva principalmente nas cidades menores onde temos famílias mais carentes e que precisam do apoio do governo”, destacou.

Lupion disse que o Paraná está enfrentando e vencendo a crise com um trabalho integrado de governo. “Batemos todos os recordes nos últimos cinco anos e estamos atuando em várias frentes de trabalho. Estamos lançando mais oito mil casas, temos o programa de regularização fundiária e o Fundo de Combate à Pobreza que nos permitirá ter um programa de habitação de interesse social exclusivamente estadual”, explicou.

Em Querência do Norte foram entregues 19 moradias na área urbana com investimentos de R$ 800 mil. O residencial Querência do Norte III atende famílias com renda de até três salários, sendo que o tamanho das casas e o valor das prestações variam de acordo com os ganhos mensais.

Para o prefeito de Querência do Norte, Carlos Benvenutti, essas moradias vão ajudar as famílias de baixa renda e ter mais qualidade de vida. “Estou muito feliz em entregar essas casas e proporcionar uma vida digna aos beneficiados. Nos últimos anos já são 48 moradias entregues, somadas urbanas e rurais”, relatou.

Foram entregues ainda 13 moradias rurais em Marilena e 15 em Itaúna do Sul. Estas casas fazem parte do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR), uma parceria do Governo do Paraná, com a participação da Cohapar, Emater e Seab; Governo Federal, por meio da Caixa Econômica, e prefeitura. Foram investidos R $798 mil.

Brasílio Bovis, prefeito de Marilena, ressaltou a importância de beneficiar o pequeno produtor rural. “A cidade não comporta que a todas as famílias do campo venham morar na cidade. Por isso, é importante dar incentivo para que o pequeno produtor continue morando e produzindo no campo”, disse.

Para o prefeito de Itaúna do Sul, Pedro Castanhari, este projeto é um grande incentivo para os produtores rurais. “As moradias rurais são um grande benefício para as famílias contempladas. A grande maioria dos produtores da nossa cidade, vive da agricultura familiar, por isso um projeto como este, estimula a permanência das pessoas no campo”, lembrou.

Nos municípios atendidos pelo escritório regional da Cohapar de Paranavaí, na região Noroeste, desde 2011, já são 5,9 mil famílias atendidas com moradias rurais e urbanas, além de titulação de imóveis. Os investimentos feitos são de R$263 milhões, sempre por meio da parceria do Governo do Paraná com o Governo Federal e prefeituras.

 

Com informações da Cohapar

Foto: Olga Leiria (Cohapar)

Nova Aliança do Ivaí, Tamboara e Itaúna do Sul vão receber moradias

 

O deputado estadual Tião Medeiros (PTB) e o prefeito de Nova Aliança do Ivaí, João Tormena, se reuniam com o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Abelardo Lupion, para tratar dos projetos habitacionais em andamento no município. A cidade possui 46 moradias urbanas em projetos, que serão executadas em parceria entre o governo do Estado, por meio da Cohapar, governo Federal e prefeitura. O projeto faz parte do programa Minha Casa Minha Vida e será construído com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Somados os projetos, nos últimos quatro anos o município está beneficiando 71 famílias de baixa renda, entre moradias urbanas, rurais e titulações de imóveis. Os investimentos públicos são de R$ 2,7 milhões.

Tião Medeiros também confirmou investimentos para Tamboara e Itaúna do Sul. Em Tamboara serão construídas 56 moradias. Já Itaúna do Sul entra na segunda fase do programa e vai receber 60 casas. Para o deputado, os pequenos municípios necessitam de mais apoio do governo do Estado. “É o nosso papel como deputado ajudar nos projetos desses municípios, para que eles consigam levar melhorias a população. Para isso, buscamos identificar a demanda e intermediar para que elas aconteçam”, afirmou.

Segundo o prefeito João Tormena, é necessário ampliar a parceria com a Cohapar para construir moradias urbanas no município, como já acontece com moradias rurais. “Somos a segunda menor cidade do Paraná, por isso precisamos da parceria com o governo do Estado para construir casas. Queremos ampliar a parceria que já temos no campo, construindo casas na área urbana.”, disse.

Lupion explicou ao prefeito que a habitação popular continua a ser uma prioridade na segunda gestão do governador Beto Richa. “A nossa participação neste projeto demonstra o comprometimento da companhia em promover a melhoria da qualidade de vida da população mais carente do Paraná.”